Publicado por Redação

Com o nome científico de Chrysobalanus icaco, o abajerú é uma planta – mais especificamente um arbusto – cuja origem vem da América Tropical, incluindo Caribe e Bahamas. Pertencente à família das Chrysobalanaceae, a planta comumente mede de 1 a 3 metros, e raramente pode chegar aos 10 metros. Suas folhas são ovaladas, possuindo de 2,5 a 7 centímetros de largura, e de 3 a 10 centímetros de comprimento, e as cores variam entre o verde e tons avermelhados. As flores da planta abajerú são brancas e pequenas, aglomerando-se organizadamente em cachos. Ao aproximar-se o fim do verão ela dá fruto em forma de gomos, os quais são comestíveis e comumente utilizados para a confecção de doces.

Abajerú

Foto: Reprodução

Propriedades e princípios ativos

As principais propriedades da planta abajerú são:

  • Antidiabético;
  • Antirreumático;
  • Antiblenorrágico;
  • Hipoglicemiante.

Já o princípio ativo mais importante da abajerú é o ácido pomólico, responsável por programar a morte de células cancerosas, prevenindo alguns tipos de câncer – o que ainda não foi cientificamente comprovado.

Benefícios e indicações

O consumo da planta abajerú é fortemente indicado para pessoas que sofrem de diarréia crônica, reumatismo, diabetes, leucorréia e blenorragia, além dos portadores de câncer. Acredita-se também que seu uso é eficaz para abaixar o colesterol e promover o emagrecimento.

Modo de usar

A forma indicada de consumir o abajerú é através da infusão de suas folhas. Você as encontrará trituradas e secas – prontas para serem utilizadas na infusão – em farmácias e lojas de produtos naturais. Leve ao fogo duas colheres de sopa de folhas do abajerú, juntamente com meio litro de água filtrada. Deixe ferver por 10 minutos, então abafe e aguarde amornar. Beba o chá e repita o procedimento de acordo com a orientação médica que receber.

Alertas

É importante frisar que todo e qualquer tratamento – seja ele medicamentoso ou natural – deve ser utilizado apenas após orientação especialista e em todo seu decorrer possuir acompanhamento médico. O intuito é sempre o de mostrar que a medicina natural pode agregar em sua saúde, mas para tanto deve ser utilizada com bom senso e segurança. Saúde é um assunto de extrema seriedade, e nem todo prejuízo pode ser revertido, então sempre busque auxílio médico. Embora não existam relatos de reações adversas, caso sinta qualquer efeito colateral interrompa o uso imediatamente.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.