Publicado por Redação

A medicina natural torna-se, cada dia que passa muito popular no Brasil. Algumas plantas, por possuírem diversas propriedades benéficas ao organismo, se disseminaram e ficaram conhecidas em diversas localidades como excelentes combatentes contra determinados males, ou ótimas para preveni-los. É o caso da Agoniada, grande árvore de madeira rija com casca amarga. Suas flores são de corola de cinco pétalas brancas, com forma oval alongada assim como suas folhas. A maneira como é conhecida depende da região do país, já que a planta Agoniada é chamada ainda como tapouca, arapuê, sacuíba, agonia, guina mole, arapou, bellaco caspi, plumeria lanciflora, sucuriba e sucuba.

Embora seu cultivo exista por todo o Brasil, a Agoniada costuma ser mais facilmente encontrada entre o Rio Grande do Sul e Goiás. Da família das Apocináceas, a planta costuma ter suas folhas utilizadas para o preparo de chás e é conhecida como excelente remédio feminino por suas propriedades de regular o ciclo menstrual. Além disto, no passado as sementes da Agoniada tinham para os índios a serventia de adornos, como chocalhos, maracás e colares.

Agoniada

Foto: Reprodução/ site retreatayahuasca.com/ethnobotanique

Os benefícios e princípios ativos da agoniada

A Agoniada costuma ser indicada para cólicas menstruais, asma brônquica, febre, catarros crônicos, ansiedade, amenorréia, regulador de ciclos menstruais, TPM, espasmos, edemas, gastrite, inflamações e dores em geral, já que possui propriedades analgésicas e sedativas. Os principais ativos de sua composição são resinas, óleos essenciais – citronerol e farnesol -, plumerídeo, glicídios, fulvoplumerina, açúcares, iridóides, alcalóides, glicosídeos e princípios amargos.

Entre as propriedades da Agoniada, a mais conhecida é a anti-inflamatória, já que a planta é conhecida por aliviar esse problema, e ser um tratamento complementar em doenças do trato urinário, problemas menstruais e corrimentos vaginais. Outras propriedades são: antidepressiva, antissifilítica, purgativa, emenagoga, febrífuga, anticonceptiva e resolutiva. Por suas propriedades, a Agoniada é procurada por muitas mulheres diariamente, mas a facilidade em encontrá-la em casas naturais não deve movê-las a utilizá-la de qualquer maneira. É preciso saber como preparar o chá da planta e a quantidade indicada. Uma orientação médica é essencial!

Como utilizar a agoniada

Chá de agoniada

Foto: Reprodução

Num litro de água fervente, inclua duas colheres de sopa de agoniada. Deixe ferver por 10 minutos, então tampe e deixe descansar até que a temperatura se torne agradável para ser ingerida. Coe e consuma uma xícara do chá de uma a três vezes por dia, antes das principais refeições.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.