Publicado por Redação

Com o nome científico de Apium graveolens, o aipo é um dos legumes mais conhecidos e utilizados na culinária brasileira. Sua origem vem de regiões mediterrânicas, e ele pertence à mesma família da cenoura, dos coentros e da salsa. Embora existam três variedades de aipo, trataremos sobre qualidades e propriedades medicinais e alimentares comuns em ambos, para que o leitor possa escolher o que lhe for mais conveniente sem deixar de obter seus benefícios.

Aipo

Foto: Reprodução

Curiosidades

Acredita-se que a primeira cultiva de aipo tenha acontecido pelo século XVI, por civilizações ainda selvagens. Passou então a ser utilizado como ornamento das coroas de atletas vencedores de provas de competições na Antiga Grécia e como afrodisíaco pelos romanos. Atualmente, em algumas regiões o aipo pode ser conhecido também como salsão.

Propriedades e constituintes

As principais propriedades medicinais encontradas no aipo são:

  • Afrodisíacas;
  • Aromáticas;
  • Diuréticas;
  • Expectorantes;
  • Laxantes;
  • Tônicas.

Além das propriedades citadas, o aipo possui em sua formação diversos constituintes benéficos, os quais são capazes de prevenir doenças e aliviá-las, em alguns casos até mesmo auxiliando em sua cura. São eles:

  • Água;
  • Vitamina A;
  • Vitamina B;
  • Vitamina C;
  • Cálcio;
  • Ferro;
  • Fósforo;
  • Potássio;
  • Sódio.

Benefícios do aipo

Ao consumir regularmente o legume aipo, suas propriedades diuréticas estimularão a eliminação de urina, expelindo também do organismo toxinas e bactérias, além de promover o emagrecimento e reduzir o inchaço; o metabolismo do indivíduo é acelerado, contribuindo também para uma maior queima de calorias; a imunidade aumenta, prevenindo que se contraiam doenças; aumenta a libido; deixa o ambiente onde o legume se encontra perfumado.

Quem sofre de doenças crônicas como diabetes e artrite crônica também é beneficiado pelo consumo do aipo, já que o legume estimula o pâncreas a desenvolver melhor suas funções, não interfere nos níveis de açúcares no sangue e possui baixíssima quantidade de calorias.

Como utilizar?

Todas as partes do aipo podem ser utilizadas para fins culinários, desde as folhas até seus talos. Basta lavar bem, picar e incluí-lo a gosto em sopas, saladas, carnes e inclusive no preparo de arroz.

Pode-se também tomar o chá de aipo. Para prepará-lo leve ao fogo vinte gramas de aipo picado, juntamente com a quantidade equivalente a uma xícara de chá de água. Deixe ferver por 05 minutos, então abafe e aguarde amornar. Quando a temperatura estiver adequada para consumo, coe e beba o chá duas vezes por dia.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.