Publicado por Redação

O cantarelo amarelo é uma espécie de cogumelo comestível. O mais comum é o amarelo ou laranja e seu chapéu tem de 2 a 10 centímetros. Já seu caule pode medir até oito centímetros. O nome científico é Cantharellus cibarius.

Ele nasce nas duas estações mais amenas do ano: primavera, quando o calor não é tão intenso, e outono, quando o frio não atinge temperaturas muito baixas. O cantarelo amarelo pode ser encontrado em matas com eucaliptos, pinhais, sobreiras e azinhais.

Ele é encontrado, sobretudo, na América do Norte e Europa. É a espécie mais saborosa e valorizada no mercado. Sua cor é amarelo alaranjado e sua polpa é carnuda e pode ser consumida na versão crua em saladas, ou como acompanhamento de carnes brancas ou ainda refogadas.

O nome científico do cantarelo é Cantharellus cibarius

O cantarelo é uma espécie de cogulemo comestível (Foto: depositphotos)

Tipos de cantarelo

Existem outras duas variações do cogumelo cantarelo. Conheça:

Cantarelo-de-pé-amarelo (Cantharellus lutescens): também conhecido em francês por Chanterelle à pied-jaune ou Chanterelle jaune, em inglês por Yellow foot chanterelle, em alemão por Goldstiefliger, em italiano por Cantarelo gialo e em espanhol por Angula de monte. Ele é encontrado nos países europeus, como Portugal, Espanha e França. A época desse cogumelo é no verão e no outono.

Cantarelo-tubular (Cantharellus tubaeformis). Na França, ele é chamado de
Chanterelle en tube, nos países de língua inglesa Grey chanterelle ou Trumpet chanterelle, na Alemanha Herbst pfifferling, na Itália Cantarello a tromba e na Espanha Trompeta.

Veja também: Cardamomo

Época de colheita do cantarelo

A melhor estação para colher esse tipo de cogumelo são as mais frias: inverno ou outono. Ele tem uma característica incomum que é sobreviver a temperaturas bem baixas, inclusive na neve.

Diferentemente das duas primeiras espécies, ele tem o chapéu cinza e somente o caule é amarelo. Ele é um ótimo acompanhamento para carnes brancas.

Cantarelo como fitoterápico

Além de um alimento disputadíssimo nas cozinhas europeias e americanas, o cantarelo possui princípios ativos que atuam contra alguns vírus e bactérias.

Veja também: Enoki

Graças ao cobre, potássio, ferro e fibras, o cantarelo é eficaz contra inflamações e doenças autoimunes. Alguns estudos sugerem que ele também combate o câncer.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.