Publicado por Redação

A cúrcuma é uma planta bastante conhecida. Porém, por essa nomenclatura, pouca gente vai ligar o nome ao produto. De cúrcuma para açafrão, a figura já muda de padrão.

A cúrcuma é uma raiz oriunda de uma planta que pertence à família das Zingiberáceas. Ela também pode ser conhecida por cúrcuma longa, açafroa, açafrão-da-terra, cúrcuma doméstica, batata amarela, gengibre dourado ou açafrão-das-índias.

A origem da cúrcuma é na Índia, região onde foi, provavelmente, usada como corante pela primeira vez, há cerca de 2.500 anos. No Brasil essa raiz chegou por meio dos colonizadores.

Cúrcuma ou açafrão: características dessa planta

O nome científico da cúrcuma é curcuma longa

A cúrcuma possui poderes anti-inflamatório e antioxidante (Foto: depositphotos)

Trata-se de uma planta perene, rizomatosa, sendo que o rizoma principal é piriforme, arredondada ou ovoide, carnudo, com ramificação laterais compridas, mais finas e menos carnudas.

Externamente os rizomas frescos apresentam coloração esbranquiçada ou acinzentada. Do rizoma saem às folhas e as hastes florais. As folhas são longamente pecioladas e reunidas na base.

Já as flores, pequenas e de cor amarela, nascendo de uma inflorescência, semelhante a uma espiga, localizada na ponta de uma espiga. Por último, o fruto é uma cápsula que se abre quando maduro.

Veja também: Bamburral

De sabor forte e característico e de cor amarelada, esta especiaria é largamente utilizada na culinária para dar cor a pratos de sabor doce, peixes, arroz e molhos em geral.

Além de ser utilizado como corante pela indústria alimentícia, o seu aroma é usado na fabricação de perfumes. Além do mais, a cúrcuma possui propriedades que também podem ser aplicadas à saúde humana.

Propriedades e benefícios da cúrcuma

A cúrcuma é largamente utilizada na culinária

A cúrcuma é mais conhecida como açafrão (Foto: depositphotos)

A cúrcuma possui poderes anti-inflamatório e antioxidante, devido à presença da curcumina, o pigmento que dá cor amarelo-ouro à raiz.

A planta auxilia na saúde da pele; possui ação cicatrizante; protege o fígado, atuando também como desintoxicante natural; combate alguns tipos de câncer; auxilia no processo de digestão das proteínas e regula o metabolismo.

Veja também: Coronha

Alguns estudos demonstraram a diminuição da inflamação e melhoria no tratamento de casos de artrite reumatoide, osteoartrite, Alzheimer, inflamação de vias respiratórias e diabetes.

A cúrcuma também ajuda no processo de emagrecimento, devido à ação anti-inflamatória da curcumina. A cúrcuma diminui a irrigação sanguínea no tecido adiposo, enfraquecendo as reservas de gordura do corpo.

Segundo especialistas, a utilização do tempero ajuda a diminuir a compulsão alimentar, o que também corrobora com o processo de emagrecimento. A cúrcuma também pode ser utilizada como analgésico natural, acabando com dores de cabeça e em algumas regiões do corpo, enquanto na medicina chinesa, o produto é utilizado no tratamento para a depressão.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.