Publicado por Redação

Planta cujo nome científico é Turnera afrodisíaca, pertencente à família das Turneraceae, ela também é conhecida como damiana, damiana de guerreiro, damiane e damiane mexicana. Ela é originária do México, América Central e Antilhas e de alguns lugares da América do Sul.

Sua altura máxima é de até dois metros de altura e suas folhas chegam a 25 cm. A planta dá origem à pequenas flores amarelas, mas o que é amplamente utilizado na fitoterapia são as folhas.

Uma das características da Damiane é o seu aroma adocicado. Alguns países da América Central, inclusive, a utilizam como matéria-prima para fazer incenso, justamente pelo seu cheiro.

Propriedades e Benefícios da Damiane

Alguns dos seus princípios ativos são: proteínas, beta-sitosterol, óleo essencial, timol, triacontane, alcaloides, taninos e heterosídeos cianogênicos. Por conta disso, a Damiane é considerada como antiespasmódica, digestiva, adstringente, antisséptica, afrodisíaca e diurética.

A Damiane é antiespasmódica, digestiva, adstringente, antisséptica e diurética

A Damiane é indicada para casos de depressão e anorexia (Foto: Reprodução/Wikimedia Commons)

Além disso, outras propriedades da planta são: emoliente, expectorante, purgativa, hipoglicêmica e antidepressora.

Todas essas características lhe conferem a eficácia para aplicações em alguns problemas de saúde. Pessoas que sofrem de com asma, bronquite e catarro podem fazer uso das infusões das folhas de damiane. Assim como, indivíduos que têm constipação intestinal, dor de estômago, doenças dos rins e bexiga e disenteria podem fazer uso das propriedades da planta a seu favor.

Destaque também, dentro da fitoterapia, para a utilização da erva para casos de desordens emocionais (depressão e anorexia) e problemas relacionados à vida sexual, como impotência, doenças venéreas e frigidez.

Há ainda a recomendação da damiane para diabetes, mal de Parkinson, paralisia e problemas de visão.

Contraindicações

Como você pode perceber, o uso fitoterápico da damiane é extenso. Porém, existem algumas contraindicações que devem ser levadas a sério. Mulheres grávidas ou em período de amamentação devem evitar tomar esse chá.

Pessoas com o nível de açúcar muito baixo no organismo, ou seja, hipoglicêmicas, também não devem fazer uso da planta, exceto com supervisão médica.

Outra dica é que jamais você deve misturar o seu consumo com outras bebidas estimulantes, como café, chocolate, guaraná entre outros.

Alguns especialistas recomendam, inclusive, que o seu consumo seja feito esporadicamente, sem o uso contínuo, a fim de evitar taquicardia, ansiedade e insônia. Por isso, mesmo que você não esteja no grupo de risco, consulte seu médico antes de tomar o chá de damiane.

Chá de Damiane

Ingredientes

– 1 colher (de sopa) de folhas secas;
– 1 litro de água fervente.

Modo de preparo

Triture as folhas secas e coloque-as no momento em que a água levantar fervura. Depois deixe por mais três minutos em fogo médio. Em seguida, desligue e mantenha o recipiente com a tampa fechada. Após esse tempo, é hora de apreciar a bebida. Faça isso, no máximo duas vezes ao dia, por no máximo três dias ou na quantidade que o seu médico recomendar.

Veja mais!