Publicado por Redação

A gabiroba é uma fruta produzida por uma árvore da família Myrtacae. O fruto também é conhecida por gabirobeira, araçá-congonha, guabiroba, guabirá, gabirova, goiaba-da-serra, gavirova, guabiroba-da-mata, guabirova, guabirobeira, guarirova, guariroba, guavira, guavirova, guaviroba e guariroba.

A árvore vive em clima tropical quente, com baixo índice pluviométrico e precisa estar sempre exposta ao sol.  Ela não é exigente quanto ao solo e chega a crescer, inclusive, em terrenos pobres.

A gabiroba é uma fruta arredondada, de pigmentação verde-amarelada. Ao se extrair as sementes do fruto, elas devem ser semeadas de imediato, caso contrário irão perder a capacidade de germinar.

guabiroba

Foto: reprodução/site wikimedia

A fruta é extremamente rica em carboidratos, proteínas, sais minerais, niacina e vitaminas C e do complexo B. A gabiroba pode ser consumida in natura ou na forma de sucos e sobremesas.

O consumo da fruta pode servir para tratamentos gastrointestinais, como diarreia e disenteria. A gabiroba tem propriedades adstringente.

Ela também pode ser usada para combater problemas como a gripe e no tratamento de cãibras e males do trato urinário.

A infusão das folhas de guabiroba, através de banhos de imersão, pode ser usada como um excelente relaxante muscular, ajudando a aliviar dores.

A casca da árvore também pode servir para fazer um benéfico chá que auxiliará no tratamento de problemas como cistite e uretrite.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.