Publicado por Redação

O guaraná, de nome científico Paullinia cupana Kunth, é um arbusto encontrado no Brasil e na Venezuela, originário da Amazônia, sendo cultivado, principalmente, na Bahia e no município de Maués, no estado do Amazonas. O fruto do guaraná é rico em cafeína (chamada de guaraína quando é encontrada no guaraná) e, devido às suas propriedades estimulantes, é bastante utilizada na fabricação de pós, xaropes, refrigerantes e barras; apresenta a casca na cor vermelha e, quando amadurece, deixa aparecer a sua polpa branca e suas sementes, parecendo-se com olhos. Os índios saterê-mawé, que habitam a região próxima de Maués, possuem lendas sobre a origem da planta. Os benefícios proporcionados pelo guaraná são decorrentes de seus constituintes, a saber: cafeína, cálcio, fósforo, ferro, vitamina A, amido, catequina, potássio, açúcares, taninos, teofilina, teobromina, proteínas e tiamina. Saiba mais sobre as propriedades e os benefícios deste fruto:

Guaraná

Foto: Reprodução

As propriedades do guaraná

  • Adstringente;
  • Afrodisíaca;
  • Analgésica;
  • Antibacteriana;
  • Diurética;
  • Energética;
  • Revigorante;
  • Tônica.

Os benefícios e as indicações de uso do guaraná

O guaraná é popularmente conhecido como uma grande fonte de energia, o que é verdade: devido à sua elevada concentração de cafeína – maior do que qualquer outro produto, inclusive o café -, o guaraná faz com que o indivíduo se sinta física e mentalmente revigorado e estimulado para desenvolver todas as suas atividades cotidianas.

Este fruto é indicado em casos de estresse, cansaço físico e mental, impotência sexual, falta de raciocínio, depressão, cefaléia, enxaqueca, hemorragia, flora intestinal, males do estômago, gases, prisão de ventre e outros problemas de saúde.

Além disso, o guaraná contém propriedades antioxidantes que renovam as células do corpo, evitando o envelhecimento precoce e o desenvolvimento acentuado de sinais de expressão, rugas e outras características relacionadas ao envelhecimento.

O seu consumo também é indicado para pessoas com tendência a desenvolver diabetes, pois ajuda a manter os níveis de glicose no sangue estáveis. O guaraná ainda auxilia no combate à pressão alta (ou muito baixa), por causa de sua capacidade de dilatar os vasos sanguíneos e permitir que o sangue, em conjunto com oxigênio e nutrientes, circule melhor pelo organismo, mantendo a pressão controlada. Atua, também, no processo de emagrecimento.

Qual é a melhor forma de consumir o guaraná?

Para obter todos os benefícios proporcionados por este fruto, a melhor forma de consumi-lo é em pó. Para isso, basta dissolver uma colher de sopa do pó de guaraná em um copo de água, suco ou leite.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.