Publicado por Redação

De nome científico Brosimum gaudichaudii, a mama-cadela é uma planta arbustiva de pequeno porte, muito comum nos cerrados do Centro-Oeste brasileiro. Seu nome popular “mama-cadela” foi dado devido à semelhança entre seu fruto, de coloração alaranjada e aspecto nodoso e a mama de uma cadela. A planta pode ser encontrada para comprar em lojas de produtos naturais e algumas farmácias fitoterápicas

Mama-cadela

Foto: Reprodução

Propriedades e benefícios

Seu princípio ativo está presente nas raízes, cascas e nos frutos ainda verdes, e é conhecido como bergapteno. Também conhecida como algodão do campo, amoreira do campo, mururerana, apé, conduru e inhoré, a planta é usada para tratamento de vitiligo e outras doenças que causam a despigmentação da pele. Pode ser usada ainda no tratamento de bronquites, discromia, gripes, má circulação do sangue, manchas de pele, úlcera gástrica e resfriados. A planta possui ação fotossensibilizante, anti-helmíntica e antimicrobiana.

Muitos pacientes relataram bons resultados no consumo de mama-cadela associado a outras formas de tratamento em caso de vitiligo. Sempre que for iniciar um tratamento, seja com medicamentos naturais ou industrializados, consulte seu médico e jamais abandone os medicamentos que forem recomendados por ele.

A planta tem sido estudada para aplicação em medicamentos industrializados para tratamento de vitiligo, doença que, atualmente, ainda não tem cura e tem a causa desconhecida. O estudo é importante, pois a doença – que acredita-se ser desencadeada em pacientes com predisposição por um estresse grande – além de causar constrangimento e preconceito, possui um tratamento em hospitais que muitas vezes são realizados sem muita esperança pelos pacientes.

Como consumir?

A mama-cadela pode ser consumida na forma de chá ou loção:

Chá de mama-cadela

Para preparar o chá, coloque uma xícara de chá de folhas e ramos picados em uma panela. Em outro recipiente, leve um litro de água ao fogo, e aguarde alcançar fervura. Jogue a água fervente em cima das folhas, tampe e deixe em repouso por 24 horas. Em seguida, coe e consuma duas xícaras ao dia.

Loção de mama-cadela

A loção é preparada com as cascas e com a raiz de mama-cadela. Pique-os em um recipiente e reserve. Em outro recipiente, leve um litro de água ao fogo e aguarde alcançar fervura. Em seguida, jogue a água fervente em cima das cascas e da raiz e tampe, deixando descansar por 24 horas. Passado o período, aplique duas vezes ao dia nas partes afetadas.

Efeitos colaterais e contraindicações da planta

Quando utilizada em excesso, a mama-cadela pode causar o fotoenvelhecimento, além de câncer de pele.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.