Publicado por Redação

O manjericão é uma planta muito conhecida por seu uso na culinária. Mas você sabia que essa planta também possui benefícios medicinais? O manjericão é uma fonte de betacaroteno, que é um dos melhores aliados para o bronzeado, é diurético, estimula o fígado, ajuda a combater insônias, dores menstruais e muito mais. Conheça um pouco mais sobre essa planta agora mesmo.

Manjericão

Foto: Reprodução

Origem

O manjericão, conhecido cientificamente como Ocymum basilicum é uma planta herbácea da família das mentas, possuindo cerca de 150 variedades. Esta planta é originária do Médio Oriente, Índia e região mediterrânica, porém, atualmente é plantada em todo o mundo. Veio aparecer na Europa durante o século XVI e na Índia é considerada uma planta sagrada, muito plantada nos templos.

Para os antigos gregos e romanos o manjericão possuía poderes de reconciliação, já no norte da Europa e no Haiti está associado ao amor. Os gregos plantavam o manjericão na entrada das casas como um sinal de boas-vindas e também para manter as moscas afastadas.

Características

Existem cerca de 150 variedades de manjericão, todas elas com propriedades muito parecidas. Essa variedade é conhecida popularmente por alfavaca, erva-real, alfádega, basílico, manjericão de folha grande. Ele chega a atingir 45 centímetros de altura e 30 de amplitude.

Essa erva exige muita luminosidade, terra nutrida e permeável. Deve ser colhido sempre a partir da zona superior, isso ajuda na sua produção, e ser replantado de 4 em 4 anos.

Propriedades e usos

  • Em sua composição, temos os flavonoides, tanecos e os óleos essenciais. Essa planta é conhecida pelas suas propriedade antissépticas, calmantes e expectorantes.
  • O manjericão é muito indicado para acalmar a tosse, catarro, feridas, problemas no estômago, inflamações dos brônquios, gases intestinais, vertigens, insônias nervosas, espasmos gástricos, depressão, perdas de memória. É um aperitivo que estimula o fígado, é diurético, traz benefícios ao sistema cardiovascular, é muito usado como estimulante natural na produção do leite materno e ainda estabiliza os níveis de glicemia, podendo ser utilizado para controlar a diabetes.
  • O seu chá alivia dores de cabeça de origem nervosa e regulariza o ciclo menstrual. Para fazê-lo pegue 10 folhas de manjericão e coloque junto com um copo de água, deixe ferver por 10 minutos, em seguida abafe por mais alguns minutos, depois coe e beba.
  • Pode ser diluído em água com algumas gotas e inalado, o seu óleo essencial pode ser usado para tratar bronquite crônica e sinusite.
  • Pode ser diluído em óleo de amêndoas doces ou de azeite e ser utilizado em massagens para aliviar dores reumáticas e inflamações das articulações.

Contraindicações e efeitos colaterais

Até o momento não foram registrados nenhum tipo de efeito colateral ou contraindicação, porém o uso dessa planta deve ser moderado.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.