Publicado por Redação

O marroio é uma planta medicinal usada para tratar problemas respiratórios. Se você não a conhece por esse nome, pode ser que conheça então como hortelã-do-maranhão ou hortelã-da-folha-grossa.

A planta

O nome científico dessa planta é Marrubium vulgare. A origem da planta é europeia, mas pode ser encontrada também no Norte da África, América e Ásia. Geralmente ela cresce em terrenos que sejam abertos ao sol.

Marroio

Foto: Reprodução

Não é de hoje que o marroio é usado, pois civilizações antigas como egípcios já utilizavam a erva no tratamento de doenças no sistema respiratório. Atualmente ela ainda é usada para esse mesmo fim, mas há estudos que mostram a eficiência do marroio em casos de complicações no fígado.

Se você sofre com alguns desses problemas está na hora de inserir o marroio nas suas noites ou em momentos de crise respiratória. Ela pode ser encontrada em locais que vendem produtos naturais e também em farmácias de manipulação.

Benefícios do marroio

Os benefícios do marrio são diversos. Essa planta é muito rica em propriedades, pois ela auxilia pessoas que por algum motivo não tem apetite, além de ser indicada para inchaços, problemas hepatobiliares, espasmos, problemas de digestão e o principal uso que é o combate aos problemas de respiração.

Modo de usar o marroio

Para o consumo do marroio utilize uma colher de sobremesa com as folhas e as flores secas e coloque em uma xícara de água que já esteja fervendo. Depois de deixar por cerca de dez minutos repousando com as folhas e flores, é só coar e tomar até três vezes ao dia.

Contraindicações

Assim como a maioria das plantas medicinais, o marroio não é indicado para mulheres que estejam gestantes. O uso desta erva pode causar aborto ou até mesmo causar problemas para o bebê e para a mãe. Estudos sobre as contraindicações dessa planta são realizados até hoje, pois não se sabe ao certo quais são as outras proibições do marroio. O que é comprovado é que o consumo em alto volume da erva pode causar irregularidade cardíaca, por causa das propriedades antiarrítmicas.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.