Publicado por Redação

De nome científico Remijia ferruginea, a planta quina mineira também pode ser chamada de quinta-do-mato, remija, quina-do-campo ou simplesmente de quina-do-pará. Já com relação a região que esta árvore cresce, o nome principal dela deixa revelar, pois ela é encontrada em boa parte de Minas Gerais. Contudo, essa espécie também pode ser encontradas na região dos sertões de Goiás.

Benefícios desta planta

A quina mineira, assim como várias outras plantas na natureza, é capaz de oferecer benefícios diversos ao organismo humano. Isto porque existem determinadas propriedades medicinais nas cascas destas árvores que são úteis no tratamento de problemas de saúde como anemias e febres. Além dessas utilizações, esse remédio natural e caseiro pode servir como um tônico aperitivo.

Quina Mineira

Foto: Ceplamt – UFMG

Desta forma, pessoas que estão com dificuldades para se alimentar podem fazer uso de quina mineira para aumentar o apetite e assim se livrar de agentes infecciosos oportunistas. Partindo ainda da questão da importância de uma boa alimentação, indivíduos com um organismo que apresenta problemas de absorção de vitaminas, minerais e outros nutrientes essenciais para o bom funcionamento do corpo, também devem usar a planta.

Como usar a quina mineira?

A parte recomendada para o uso desta planta é a casca da árvore, tendo em vista que nesta região são encontradas os nutrientes capazes de provocar os benefícios já citados anteriormente. Por esta razão, deve-se preparar uma infusão com a quina mineira. Para tanto, é necessário colocar três gramas da casca em uma única xícaras de água fervente. Em seguida, deve-se tampar o recipiente e aguardar por até cinco minutos.

Após o tempo determinado, é preciso coar a bebida e ingeri-la de uma só vez. Vale ressaltar ainda que não se deve acrescentar açúcar ou nenhum outro adoçante no chá, caso contrário os efeitos benéficos podem ser reduzidos. Outra dica importante é sempre procurar um médico caso o corpo apresente alguns destes problemas, mesmo sendo uma receita eficaz, a quina mineira não substitui uma avaliação médica.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.