Publicado por Redação

Não é segredo para ninguém que as plantas podem trazer grandes benefícios para o organismo humano. É claro, não se deve consumir toda e qualquer planta encontrada e desconhecida, mas muitas plantas conhecidas já foram estudadas e aprovadas para fins fitoterápicos. Antes mesmo desses estudos, os indígenas já as usufruíam a aprovavam as reações ocorridas. Dentre tantas opções de plantas disponíveis, falaremos hoje sobre o salgueiro branco, um poderoso aliado para o alívio de dores. Saiba a origem da planta, o que ela pode fazer por você e como utilizá-la.

Salgueiro branco

Foto: Reprodução

História do salgueiro branco

Não se sabe ao certo quando e onde o salgueiro branco (cujo nome científico é Salix alba) surgiu, mas tem-se relatado que no século V antes de Cristo, Hipócrates – tido por muitos como o pai da medicina – já alegava que a planta salgueiro branco era capaz de diminuir febre e aliviar dores. Depois demais civilizações começaram à utilizá-la, como os egípcios, assírios e norte-americanos.

Propriedades e benefícios

As principais propriedades da planta salgueiro branco são:

  • Analgésica;
  • Afrodisíaca;
  • Adstringente;
  • Antifúngico;
  • Antibacteriano;
  • Anti-inflamatório;
  • Antisséptico;
  • Antirreumático;
  • Febrífugo;
  • Tônico digestivo;
  • Vermífugo.

Assim, com tantas propriedades benéficas, seu consumo é indicado para o alívio e tratamento de diversas doenças e males, dentre eles:

  • Azia;
  • Amidalite;
  • Artrite;
  • Caspa;
  • Cólica;
  • Dispepsia;
  • Disenteria;
  • Dor muscular;
  • Dor de cabeça;
  • Enxaqueca;
  • Feridas;
  • Febre;
  • Gonorreia;
  • Gengivite;
  • Gota;
  • Infecções no trato urinário;
  • Inflamações diversas;
  • Malária;
  • Queimaduras;
  • Reumatismo;
  • Suores noturnos.

Efeitos colaterais e contraindicações

Todo tratamento medicamentoso – seja fármaco ou natural – necessita de acompanhamento e orientação médica para que seu sucesso seja efetuado. No caso de consumo exagero ou sem acompanhamento da planta salgueiro branco, pode-se sentir efeitos colaterais como vômitos, enjôos, dores estomacais, zumbidos nos ouvidos e inflamações renais. Seu consumo é contraindicado para crianças menores de 16 anos, pessoas alérgicas à aspirina e mulheres gestantes e lactantes.

Como utilizar?

Você provavelmente encontrará a planta disponível em cápsulas, o que é a forma mais segura e prática de consumi-la, já que basta tomar os comprimidos seguindo a orientação do fabricante ou do médico.

Em caso de chá, encontrará a casca triturada e seca. Deverá levar ao fogo uma colher de sopa contendo a casca de salgueiro branco, juntamente com meio litro de água. Deixe ferver por 10 minutos, então coe e beba o chá. Repita o procedimento quantas vezes o médico julgar necessário.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.