Publicado por Redação

Com o nome científico de Smilax áspera, a salsaparrilha é uma planta que pode ser facilmente encontrada em vários lugares do mundo, inclusive no Brasil – principalmente na região de Minas Gerais. É muito similar às trepadeiras, suas folhas são ovais e possuem formato de lança, e suas raízes são grossas. Ela sempre busca alcançar o topo de outras árvores, pois apenas quando encontrar luz solar poderá ser considerada adulta, ou seja, dará seus frutos – que parecem bagas vermelhas com muitas sementes – e pequenas flores esbranquiçadas. Dependendo da região em que for encontrada, pode ser popularmente chamada de Salsaparrilha-do-Maranhão ou Salsaparrilha-do-Pará.

Salsaparrilha

Foto: Reprodução

Propriedades

Já há centenas de anos atrás, a salsaparrilha era utilizada pelos índios, que acreditavam que a planta possuía propriedades medicinais capazes de curar doenças, preveni-las e causar assepsia do local em que fosse aplicada. Os índios estavam certos. Muitos estudos foram feitos nos últimos anos – não apenas com a salsaparrilha, mas com muitas outras plantas – e comprovou-se que a planta possui em si as seguintes características principais:

  • Antisséptica;
  • Anti-inflamatória;
  • Aperitiva;
  • Afrodisíaca;
  • Depurativa;
  • Diurética;
  • Estimulante;
  • Lubrificante;
  • Sudoríferas;
  • Tônica.

Benefícios e indicações

Por possuir tantas propriedades medicinais benéficas para o organismo, a planta salsaparrilha possui diversas indicações de uso, nas quais ela pode atuar como agente principal ou como coadjuvante, auxiliando no tratamento da doença. As indicações para o uso de salsaparrilha são:

  • Arteriosclerose;
  • Artrite;
  • Ácido úrico;
  • Circulação problemática;
  • Colesterol elevado;
  • Cistite;
  • Gripe;
  • Gota;
  • Herpes;
  • Infecções diversas;
  • Reumatismo;
  • Resfriados;
  • Psoríase;
  • Sífilis;
  • Uréia.

Modo de uso

Para consumir a salsaparrilha, você deverá primeiramente comprá-la em lojas de produtos naturais ou farmácias. Não se arrisque a retirar uma planta de seu cultivo e consumi-la, pois elas se parecem e você correrá enorme risco de consumir a planta errada, prejudicando sua saúde. Ao comprá-la, você encontrará a raiz da salsaparrilha triturada, ideal para realizar o preparo de seu chá.

Leve ao fogo 250ml de água filtrada, juntamente com duas colheres de sopa de raízes da salsaparrilha. Deixe ferver por 10 minutos, então abafe e aguarde amornar. Com a temperatura adequada para consumo, coe e beba o chá.

Contraindicações

O consumo da salsaparrilha é contraindicado para gestantes, lactantes, crianças com menos de onze anos de idade, pacientes com insuficiência renal ou cardíaca, e hipertensos. Antes de iniciar qualquer tratamento medicinal – seja ele fármaco ou natural – busque sempre a orientação de um médico especialista.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.