Publicado por Redação

Originário do continente africano, o sene é uma planta com propriedades medicinais da família das Cesalpiniáceas. Desenvolveu-se rapidamente na Índia e no Oriente Médio, podendo ser encontrado hoje em qualquer parte do mundo. Seu nome científico é Cassia angustigolia, e graças ao sucesso que faz por onde é conhecida, pode ser encontrada não apenas como erva para preparo de chá, como também em forma de cápsulas.

Os benefícios e propriedades do sene

Sene

Foto: Reprodução

As propriedades medicinais do sene são laxativas, diuréticas, depurativas, vermífugas, purgativas, catárticas, carminativas e antiácidas. Entre os principais constituintes dessa planta se encontram o ácido crisofânico, acetato, ácido catartogênico, ácido catártico, aloe emodina, açúcares redutores, cálcio, flavonóides, antraquinona, antranol, magnésio, pinitol, senosídeo A e B e resina amarga.

O sene é indicado para quem sofre de cólicas biliares, flatulências, congestões encefálicas, constipação por inércia intestinal, hemorroidas, fissuras e manchas brancas pelo corpo.

Poderes laxativos

É conhecido por ser um laxante popular utilizado em casos de emergências. Assim que entra em contato com o intestino, o sene irrita suas paredes e impede o órgão de absorver a água. Isso enche as fezes de água e provoca o efeito laxativo, mas o resultado esperado só aparece dez horas depois de o chá ser ingerido pelo organismo. Quem sofre de prisões de ventre também é beneficiado pelo uso da planta.

 

Como utilizar o sene?

Com tantos benefícios e propriedades medicinais próprias para o organismo, o sene se tornou a primeira opção de muitos para evitar possíveis doenças ou combater os males que já acometeram o organismo. No entanto, é preciso saber prepará-lo e ter as devidas orientações médicas.

Chá

As folhas de sene devem ser fervidas por cinco minutos. Então, coloque na xícara e espere a temperatura amornar. Se preferir, adoce. Consuma o chá antes de dormir.

Contraindicações

Não é aconselhado ingeri-lo por mais de dez dias seguidos, e seu uso é contra indicado para lactantes, gestantes, crianças menores de 12 anos de idade e pessoas que já estejam sofrendo de dores abdominais. Seu uso prolongado provoca a perda de minerais, além de causar vômito, diarréia, cólica, aumento do fluxo menstrual e até mesmo pode causar nefrite. Caso tenha dúvidas se o uso do sene é aplicável ao seu caso, busque orientação de um médico de confiança, realize os devidos exames o ingira durante o tempo determinado pelo profissional. Caso opte por consumir as cápsulas de sene, siga as orientações do fabricante.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.