Publicado por Redação

O tamarillo, de nome científico Ciphomandra betacea (Cav.) Sendt., é uma fruta tropical originária dos Andes, sendo também popularmente conhecida como cigomandra, tomate de árvore, tomate francês ou tomate japonês.

Bastante semelhante ao tomate, com uma cor que varia entre o vermelho, amarelo e laranja, o tamarillo (a pronúncia é “tamarijo”) era cultivado pelos incas em hortas acima de mil metros de altitude, desde muito tempo antes da chegada dos europeus ao Novo Mundo. Pertencente à mesma família – família das Solanáceas – do tomate, da batata e da berinjela, a parte externa da polpa do tomate de árvore é carnuda e firme; já o seu centro possui uma textura macia e gelatinosa com sementinhas comestíveis.

Bastante apreciado no Peru e no Equador, o tamarillo disseminou-se pelo mundo, sendo cultivado em países como Estados Unidos, Indónesia, Nova Zelândia e sul da Índia.

Tamarillo

Foto: Reprodução

A seguir, saiba mais a respeito das propriedades nutricionais e os benefícios proporcionados por esta fruta.

As propriedades e os benefícios do tamarillo

  • Possui poucas calorias, contribuindo com as dietas de emagrecimento;
  • Devido à quantidade considerável de fibras, a fruta possui efeito laxativo suave;
  • Possui substâncias antioxidantes que ajudam a diminuir a ação maléfica dos radicais livres;
  • Em jejum, o consumo da fruta fresca pode melhorar a gripe;
  • Ajuda no fortalecimento do sistema imunológico;
  • Auxilia no controle da pressão arterial elevada e no colesterol;
  • Atua no funcionamento adequado do sistema nervoso;
  • Possui quantidades consideráveis de vitaminas como a pró-vitamina A, vitamina B6, C e E, e minerais como o cálcio, ferro, fósforo e magnésio;
  • Em forma de cataplasmas quentes, as folhas do tamarillo podem tratar a inflamação das amígdalas e outros problemas na garganta;
  • O tomate de árvore é um remédio natural para tratar problemas no fígado.

Como aproveitar os benefícios do tamarillo?

Para manter todas as suas propriedades nutricionais e benefícios, o tamarillo pode ser consumido em sua forma natural, cru. A casca pode ser retirada e a fruta pode ser consumida cortando-a em pedaços ou ao meio.

Os diversos tipos desta fruta são identificáveis pela sua cor: o tamarillo vermelho é mais macio e doce; já o amarelo, um pouco mais firme e apresenta um sabor ácido.

Se você preferir, pode adicionar sal ou açúcar à polpa do tamarillo. A fruta, com seu sabor agridoce, pode ser incluída no preparo de saladas de frutas, geleias ou compotas, sucos, molhos para carnes e sobremesas.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.